200 anos de Charles Darwin

Hoje comemora-se o bicentenário de Charles Darwin, inglês nascido a 12 de fevereiro de 1809.

E por que estou citando ele? Apenas porque boa parte de nossa viagem foi também a sua rota em sua passagem pela América do Sul, passando pela Patagônia Argentina, Chilena e Tierra del Fuego.

Rota de Charles Darwin

Rota de Charles Darwin

Ele é homenageado até hoje no Chile e Argentina. Por exemplo, em El Chaltén, há o Cerro Fitzroy. Fitzroy foi o Capitão do navio HSM Beagle que levou consigo Charles Darwin.

Lá em Ushuaia existe o Canal Beagle, em homenagem ao navio.

Darwin passou pelo litoral brasileiro. Encantou-se com a vegetação e fauna. O que deixou ele triste foi ver a intensidade da escravidão no Brasil.

Darwin foi uma pessoa fora do seu tempo. Naquela época, mesmo sendo religioso protestante, foi ousado ao lançar a teoria do evolucionismo que até hoje, infelizmente, é ignorado e ridicularizado por muitas religiões que defendem o criacionismo.

Darwin deixou um legado importante para a história e merece o reconhecimento devido. Sua teoria é baseada em estudos e fatos reais e nada em achismos.

Feliz 200 anos Darwin!

Anúncios

14º dia – ainda em Ushuaia, Argentina

Como no dia anterior nevou, fomos presenteados com uma bela vista das montanhas recobertas de neve. Um espetáculo!

Fomos neste dia visitar o Parque Nacional da Terra do Fogo. Um parque muito bonito, que vale a pena conhecer. Fomos até km final da Ruta 3 (Rota 3). É o ponto final de Ushuaia.

Foi um momento bacana entre nós quatro. Uma sensação de realização por termos percorrido tantos kilometros. Foi um momento de reflexão e meditação, apesar do frio e vento que cortavam nossas peles.

Pela noite compramos na Carniceria(Açougue) alguns kilos de Tapa de Quadril. Ficou muito bom! Fizemos numa grelha, o que nos fez recordar nossos churrascos brasileiros. O pessoal do Hostel ficava só de olho no que estávamos fazendo. Jantamos com vinho e na companhia de um casal do país Basco, muito simpáticos, Luzio e Karmela, que adoraram nosso “churrasco”.